Bem-vindos a este espaço de partilha de todos para todos

Google+ Followers

terça-feira, 14 de novembro de 2017

Amizade




Uma má colheita não define um campo de cultivo. Sejamos sempre confiantes na dádiva que é a amizade



Não é fácil falar de amizade, sobretudo ao tentar evitar as frases feitas, e os conceitos banalizados e limitadores. Fala-se muito em amizade, desvirtuando-se na maior parte dos casos a força e o significado desse elo de união entre os Seres. Amizade é uma tarefa que se desenrola em todos os aspectos da nossa vida e que como tudo o que é válido e perdura requer trabalho e entrega.
Amizade é uma forma de Amor, provavelmente a mais pura forma de amar. É uma ponte entre duas pessoas que, independentemente daquilo que passe sobre ou sob a ponte não se desgasta, não se altera, não se danifica.
Lembro alguém que me dizia: “em todo tipo de relacionamento que se gera entre as pessoas, existe uma dependência, um interesse implícito que promove o relacionamento”. Sim! Na maior parte dos casos esse interesse existe, seja a dependência económica, a solidão, carência afectiva, inclusive nos relacionamentos familiares a dependência é moeda de troca dentro do plano afectivo.
No entanto, naquele sentimento de amizade que temos a graça de partilhar com alguns Seres, apenas damos e recebemos uma corrente energética maravilhosa, que passa pelas coisas mais simples, como a comunicação telepática na hora certa, até ao ombrear lado a lado em trabalhos, projectos ou momentos difíceis… sem interesses, sem cobrança, sem outra intenção que a de sentir a sensação plena da Unicidade, de que a sensação da outra pessoa, é nossa antes de ser dela, e como tal, cabe a cada um suprir-se a si próprio de auto-estima, de ternura, de harmonia, de alegria, de serenidade, de carinho para distribuir, doar... e a forma mais simples e fácil de fazer tudo isto é através da mais bela forma de Amar, que é conhecida pelo nome de AMIZADE.



Maria Adelina

Outubro/2010



Sem comentários:

Enviar um comentário

Seja Bem-Vindo